Google anuncia mudança de política de privacidade

Google decidiu mudar a política de privacidade, deixando de ter mais de 60 políticas, unificando para uma única política para todos os serviços da Google.

Com esta nova mudança na política de privacidade e nos termos de serviço, segundo a empresa, irá melhorar a utilização dos vários serviços da Google, sendo que haverá como uma “partilha de dados” entre os vários serviços.

Com esta nova política de privacidade, será um único utilizador nos vários serviços da Google, quando, até agora, a utilização dos serviços da Google são “independentes”. Além disso, também irá facilitar a leitura das políticas de privacidade e dos termos de serviços, já que ao aceitar um, serão, praticamente, os mesmo em todos os serviços da Google.

Sendo que, a partir de agora, ao criar uma conta Google, irá criar uma conta Gmail e Google +, esta unificação das políticas de privacidade também irá facilitar esta nova forma de criação de novas contas Google.

No entanto, há algumas críticas a esta nova mudança, pois esta unificação dos dados pessoais, pode ser considerada uma quebra de confidencialidade acessível a serviços da Google que os utilizadores não quererão utilizar.

Para o lado da empresa, esta unificação poderá dar mais informações pessoais para serem “aproveitadas” para as campanhas publicitárias, trazendo benefícios económicos para a Google.

Esta unificação está a começar a aparecer nas várias contas do Google, para que seja, lidas e aceites, e entrará em vigor a partir do dia 1 de Março.

Fonte: Tecnologia

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s